Convênio com Universidade Metodista e federações vai formar técnicos e árbitros

Sindiclube - Handball - 09/10/2010 - Foto: Miguel Schincariol
Foto: Miguel Schincariol

A Universidade SINDI-CLUBE, a Universidade Metodista de São Paulo (Umesp), juntamente com federações esportivas, vão lançar o programa “Escolas de Esportes” para a formação de técnicos e árbitros, nas diversas modalidades.

A primeira ação dessa parceria envolve a Federação Paulista de Handebol (FPHb).

O convênio entre as entidades busca a diversificação da prática esportiva e, por isso, vai oferecer cursos de formação, notadamente em modalidades como o handebol, muito desenvolvido nas escolas, mas que tem prática reduzida nos clubes.

O presidente da Federação Paulista de Handebol, Celso Gabriel, aposta no aprimoramento de técnicos e árbitros para conquistar mais espaço para a modalidade.

img_3755
Toto e Gabriel: aprimoramento técnico na formação de atletas

“Temos o objetivo de conversar com os clubes para que participem, inscrevendo seus profissionais, e nos apoiem nesse grande desafio de criar escolas que desenvolvam técnicos e árbitros de handebol. A finalidade é unificar o ensino da modalidade, para que a formação de atletas se dê da forma correta, aplicada por profissionais que tenham conhecimento específico e atualizado, igual ao que é feito nos centros mais adiantados do mundo nessa prática”, diz Gabriel.

O coordenador do Curso de Educação Física da Umesp, Rogério Toto, está otimista quanto aos benefícios da parceria para o aperfeiçoamento técnico de treinadores e árbitros.

“A Universidade SINDI-CLUBE e a FPHb são duas entidades pelas quais temos profundo respeito. Participaremos dessa iniciativa das escolas de esportes com a experiência de mais de 20 anos do nosso curso de educação física para desenvolver projetos pedagógicos. Existe uma massa crítica interessada, constituída por um grande número de treinadores, em todas as categorias, do mirim ao principal. Há necessidade de capacitação contínua para se conseguir um efeito positivo na formação dos atletas de handebol”, afirma Toto.

Momento favorável

O presidente do SINDI-CLUBE, Cezar Roberto Leão Granieri, Betinho, ressalta que o convênio entre as três entidades para constituir escolas de esportes insere-se no momento favorável no qual vive o esporte brasileiro, pós-Olimpíada.

“Trata-se de uma iniciativa pioneira, feita na esteira do sucesso dos recém-terminados Jogos Olímpicos que levaram o país a um patamar superior no cenário esportivo mundial, que nos dá condições de almejar metas ainda mais ousadas. Investir na preparação de técnicos e árbitros dos mais diferentes esportes faz parte desse propósito”, diz Betinho.

Visite o portal  e curta a página do Sindi-Clube no Facebook para saber mais de assuntos que interessam ao seu clube.

Convênio oferece opções de diversão e arte para associados de clubes

Imagem AllClub_horizontalAcordo entre o SINDI-CLUBE e a empresa Big Entretenimento institui o All Club, que oferece aos associados de clubes novas opções de lazer e cultura, com preços especiais e segurança.

Com o All Club, os participantes ganham descontos na compra de ingressos para shows, jantares, eventos e passeios.

Para aproveitar as vantagens, basta ao interessado cadastrar-se no programa, que se apresenta como “All Club: para seu clube, para sua família”.

A abrangência é ampla, com programação para crianças, adolescentes, jovens casais e da terceira idade.

O leque de atrações estimula a participação e proporciona aos dirigentes de clubes mais opções de diversão e arte para serem oferecidas ao corpo associativo.

Conforto e segurança

Luiz de Lucca, diretor da Big Entretenimento, explica que as atividades do All Club irão utilizar o espaço do WTC Sheraton Hotel.

“É um ambiente que oferece conforto, segurança e estacionamento. O objetivo é socializar a realização de evento dos clubes, num local sofisticado, com otimização de custos. Em 20 de outubro, haverá o “Wine Music Festival”, celebração da boa música com rótulos de vinho de qualidade, e, no fim do ano, a festa do Reveillon”.

O presidente do SINDI-CLUBE, Cezar Roberto Leão Granieri, Betinho, diz que a novidade amplia os serviços que a entidade proporciona aos associados de clubes.

“Já temos um programa vitorioso no esporte, que atrai milhares de associados de clubes para participar de torneios, no Pepac (Programa Esportivo para Associados de Clubes). Na cultura, a participação direta do SINDI-CLUBE proporciona muitas atividades, como o Circuito de Corais, Dia da Dança, Clubes de Leitura, Encontros com o Autor e Prêmio Literário. Agora, com o All Club, vamos também proporcionar aos dirigentes opções vantajosas de lazer para acesso de associados de clubes a espetáculos musicais e outros eventos de entretenimento”, diz Betinho.

Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (11) 5054-5464, com Fernanda Tolentino.

Visite o portal  e curta a página do SINDI-CLUBE no Facebook para saber mais de assuntos que interessam ao seu clube.

Presidente do SINDI-CLUBE fala sobre convênio com a FENACLUBES

TV SindiClube_verticalEm novo vídeo da TV SINDI-CLUBE, o presidente da entidade, Cezar Roberto Leão Granieri, Betinho, comenta o acordo de cooperação firmado com a FENACLUBES.

A parceria amplia os serviços do SINDI-CLUBE, como cursos, programas e consultorias, para os associados da FENACLUBES em todo o país.

Saiba mais, assista ao vídeo:

Veja as fotos do convênio assinado entre o Sindi-Clube e a Fenaclubes

IMG_2693Para intensificar ações conjuntas em favor de clubes em todo o país, os presidentes do Sindi-Clube, Cezar Roberto Leão Granieri, Betinho, e da Fenaclubes (Federação Nacional dos Clubes), Arialdo Boscolo, com a presença do presidente da CBC (Confederação Brasileira de Clubes), Jair Pereira, assinaram convênio de cooperação inédito no setor.

As fotos do evento que firmou a parceria entre as entidades já estão disponíveis na página do Sindi-Clube no Facebook.

Com o acordo, o Sindi-Clube expandirá os serviços oferecidos a seus associados aos clubes que são representados pela Fenaclubes, em todas as regiões do Brasil.

“O convênio demonstra o compromisso das duas entidades de fortalecer o setor clubístico nacionalmente, em um momento muito especial da década do esporte vivida pelo país”, afirma o presidente do Sindi-Clube, Cezar Roberto Leão Granieri, Betinho.

Visite o portal  e curta a página do Sindi-Clube no Facebook para saber mais de assuntos que interessam ao seu clube.

Convênio favorece desenvolvimento de aplicativos e desperta interesse de clubes

shutterstock_86181751

Convênio entre o Sindi-Clube e a Total Mobi oferece aos clubes associados desconto de 37,5% no desenvolvimento de aplicativos.

O abatimento reduz para R$ 5.000,00 o preço de aquisição da ferramenta que, normalmente, seria de R$ 8.000,00

O diretor da Total Mobi, Sergio Cury, informa que essa vantagem proporcionada pelo convênio tem atraído a atenção dos clubes.

“A Associação Brasileira A Hebraica de São Paulo, o Clube Campineiro de Regatas e Natação e o Tênis Clube de Campinas já estão com as negociações avançadas para a aquisição do aplicativo. Com ele, os clubes terão funções como envio de alertas ilimitados, informando, por exemplo, sobre reservas e cardápios de restaurantes, agenda de eventos integrada com o calendário do smarthphone e outras notícias importantes”, diz.

O aplicativo também tem outras utilidades que podem auxiliar e aperfeiçoar o relacionamento com os associados, como GPS para indicar como chegar ao clube, agenda telefônica que permite ligar com um clique para diversos setores, formulários para solicitações diversas.

Os clubes interessados devem procurar o Sindi-Clube para obter mais informações.

Aplicativo do Pepac

O Sindi-Clube usa a experiência do aplicativo desenvolvido pelo Total Mobi no Pepac (Programa Esportivo para Associados de Clubes).

homepepacOs usuários são os 3.400 atletas participantes dos torneios de vôlei, futsal e handebol e também as comissões técnicas, árbitros e demais interessados, como familiares dos jogadores.

Com design intuitivo, a ferramenta dispõe de nove funções acessíveis. Na tela principal, é possível conferir fotos e navegar pelos menus e utilizar os serviços oferecidos.

Conectado a uma rede de dados, o aplicativo dá acesso a tabelas de jogos e classificação, mapa para localização dos clubes participantes com GPS integrado e conectividade com o Facebook e Twitter.

O aplicativo, nas versões para iOS, Android e Windows Phone, está à disposição nas lojas online para celulares e podem ser baixados gratuitamente.

Visite o portal  e curta a página do Sindi-Clube no Facebook para saber mais de assuntos que interessam ao seu clube.

Sobrasa convida clubes a participar da semana Piscina+Segura para prevenir afogamentos

shutterstock_108984020
Crianças são as maiores vítimas de afogamentos em piscinas

Os clubes paulistas estão convidados a participar da semana Piscina+Segura, que se dará de 9 a 13 de novembro próximo.

A ação consistirá da realização de atividades motivacionais e de recreação com crianças nas piscinas, tendo como tema a prevenção de acidentes que causam afogamentos.

A realização é da Sociedade Brasileira de Salvamento Aquático (Sobrasa), entidade com a qual o Sindi-Clube mantém convênio de cooperação.

Para participar, os professores de natação dos clubes deverão capacitar-se com curso que a Sobrasa oferece gratuitamente em seu site.

Em 2014, essa ação contou com 34.000 crianças em todo o país.

Neste ano, a Sobrasa pretende dobrar a participação. Segundo dados da entidade, no Brasil, 18 pessoas morrem afogadas todos os dias.

IMG_3655A importância dessa campanha de esclarecimento direcionada às crianças é explicada pelo diretor-médico da organização, David Szpilman.

“Os acidentes em piscinas representam 53% de todos os casos de afogamento de crianças de um a nove anos de idade. O sinistro é a segunda causa de morte de crianças nessa faixa etária, e a terceira entre dez e dezenove anos. Além disso, das 2,5 milhões de piscinas existentes no país, 50% estão em clubes, academias e escolas. Daí a importância de o setor se engajar como multiplicador das informações que ajudam a evitar essas ocorrências”, afirmou Szpilman.

Cinco atitudes

A Sobrasa recomenda cinco atitudes (veja abaixo) que podem dar segurança superior a 95% às piscinas. “È como uma vacina contra o afogamento, tome essas atitudes e dê grande proteção a crianças”, diz o diretor de Relação Institucional da Sobrasa, Régis Amadeu.

Piscina+Segura

Visite o portal do Sindi-Clube e saiba mais de assuntos que interessam ao seu clube.

Convênio oferece aplicativos para clubes

shutterstock_76698190_PO Sindi-Clube assinou convênio com a Total Mobi que oferece aos clubes associados desconto de 37,5% para o desenvolvimento de aplicativos.

O diretor da empresa especializada em soluções mobile, Sergio Cury, informa que o abatimento reduz para R$ 5.000,00 o preço de aquisição da ferramenta que, normalmente, seria de R$ 8.000,00.

“Com o aplicativo, os clubes terão todas as funções de relacionamento com seus associados, atualizadas online para envio de alertas ilimitados, informando, por exemplo, sobre reservas e cardápios de restaurantes, agenda de eventos integrada com o calendário do smarthphone e outras notícias importantes”, afirma.

O aplicativo também tem funções como GPS para indicar como chegar ao clube, agenda telefônica que permite ligar com um clique para diversos setores e formulários para solicitações diversas.

Os clubes interessados devem procurar o Sindi-Clube (11 5054-54674) para obter mais informações.

Aplicativo Pepac

homepepacComo parte do convênio assinado com o Sindi-Clube, a Total Mobi desenvolveu um aplicativo para o Pepac (Programa Esportivo para Associados de Clubes).

A ferramenta é direcionada aos 3.400 atletas participantes dos torneios de vôlei, futsal e handebol e também as comissões técnicas, árbitros e demais interessados, como familiares dos jogadores.

Com nove funções acessíveis, na tela principal é possível conferir fotos, navegar pelos menus e utilizar os serviços oferecidos.

O aplicativo Pepac, nas versões para iOS, Android e Windows Phone, está à disposição nas lojas online para celulares e pode ser baixado gratuitamente.

Visite o portal do Sindi-Clube e saiba mais de assuntos que interessam ao seu clube.

 

Sindi-Clube faz convênio com a Federação de Handebol para desenvolver a prática da modalidade nos clubes

Atletas e técnicos receberam homenagem do Sindi-Clube e da Federação
Atletas e técnicos receberam homenagem do Sindi-Clube e da Federação

O Sindi-Clube e a Federação Paulista de Handebol fizeram convênio de cooperação para impulsionar a prática da modalidade nos clubes paulistas.

O lançamento do acordo foi anunciado em um concorrido evento que reuniu mais de 100 pessoas, entre dirigentes, jogadores e integrantes da comissão técnica das seleções brasileiras, masculina e feminina, que conquistaram medalhas de ouro no Pan-Americano de Toronto.

Os atletas e técnicos receberam homenagem das entidades.

Veja as fotos do evento no Facebook do Sindi-Clube.

Visite o portal do Sindi-Clube e saiba mais de assuntos que interessam ao seu clube.

Novos “Encontros com dirigentes” é capa da edição de junho da Revista dos Clubes

capa_revistaA edição de junho da Revista dos Clubes traz como principal assunto de capa os novos “Encontros com dirigentes”, que chega à quarta edição totalmente renovado, no formato mesa redonda, com o objetivo de estimular a troca de experiências entre participantes.

Já foram realizadas 5 das 12 reuniões, que vão percorrer o Estado de São Paulo até outubro.

Destaque também para o convênio estabelecido pelo Sindi-Clube com o Instituto Mauá de Tecnologia.

Ainda há matéria sobre clubes que investem em piscina com tecnologia igual a que será usada na Olimpíada Rio-2016.

Outros assuntos, como consultoria oferecida pelo Sindi-Clube para projetos incentivados e cursos da Universidade Sindi-Clube, também estão na Revista.

Confira a edição completa aqui.

Visite o portal do Sindi-Clube e saiba mais de assuntos que interessam ao seu clube.

Conheça o convênio que previne afogamentos em piscinas de clubes

shutterstock_248583721

As crianças são as maiores vítimas de afogamentos em piscinas, pois 53% de todos os registros de óbitos ocorrem na faixa de 1 a 9 anos de idade.

Esse dado faz parte de um levantamento realizado por David Szpilman, diretor-médico da Sociedade Brasileira de Salvamento Aquático (Sobrasa), entidade com a qual a Universidade Sindi-Clube firmou convênio de cooperação.

Szpilman: crianças são as maiores vítimas
Szpilman: crianças são as maiores vítimas

Pelo acordo com a Sobrasa, entidade sem fins lucrativos que se dedica a prevenir afogamentos e divulgar as melhores técnicas de salvamento, os clubes associados ao Sindi-Clube poderão receber certificados de piscinas mais seguras.

“Os clubes terão que cumprir medidas de seguranças que serão vistoriadas pela Sobrasa, antes de conceder a certificação”, explica Szpilman.

As exigências da Sobrasa são as que os clubes, normalmente, já cumprem em suas piscinas, tais como:

  • Local adequado para as crianças no parque aquático, sendo que as menores de 10 anos só podem frequentar o local acompanhadas por um responsável.
  • Acesso restrito à área das piscinas, totalmente cercada com barras não escaláveis, de altura mínima de 1,20 metro, com portão autotravante.
  • Guarda-vidas presentes durante todo o tempo de funcionamento das piscinas.
  • Sistema de aspiração com dois ralos, ligados o tempo todo, para não causar vácuo, e grade para evitar aspiração de cabelos e cordões.
  • Capacitação do pessoal envolvido na área aquática em curso de emergências aquáticas.

Cursos de emergências aquáticas

A capacitação para emergências aquáticas é gratuita e pode ser feita online, pelo site da Sobrasa (www.sobrasa.org).

São dois cursos básicos: um para o profissional guarda-vidas e outro para quem não é guarda-vidas, totalmente online, que oferece noções para reação em casos de acidente.

O curso para guarda-vidas tem duração de 52 horas, ministrado metade online e a outra parte no clube, por um profissional da Sobrasa.

Para os guarda-vidas já em atuação, existe a opção de um workshop seguido de prova de proficiência.

Os clubes associados ao Sindi-Clube têm 20% de desconto para a certificação de piscina mais segura, que tem o custo de quatro salários mínimos.

Amadeu: piscina mais segura
Amadeu: piscina mais segura

“Com o cumprimento dessas medidas, o clube terá uma piscina muito mais segura, poderá receber a certificação da Sobrasa e contar com respaldo legal, em caso de sinistro”, diz o diretor da Sobrasa, Regis Amadeu.

A qualificação da segurança da piscina, por meio da certificação da Sobrasa, poderá ser divulgada aos associados do clube por meio de banner concedido pela entidade certificadora.

“O clube é um multiplicador da informação da prevenção ao afogamento e um meio dessa mensagem de segurança atingir também as piscinas residenciais dos associados”, explica Szpilman.

Visite o portal do Sindi-Clube e saiba mais de assuntos que interessam ao seu clube.