A roupa de compressão

shutterstock_126820694Turíbio Barros*

É costume dizer que o esporte de alto rendimento é um laboratório de testes para desenvolvimento de produtos e acessórios esportivos que possam também contemplar o cidadão comum.

É como se comparássemos a fórmula 1 e a indústria automobilística.

O esporte de alto rendimento é também uma grande vitrine e os recursos utilizados pelos atletas para melhora de desempenho acabam tornando-se o sonho de consumo dos atletas amadores e dos praticantes de atividades físicas.

Um desses recursos é a chamada roupa de compressão.

Trata-se de uma tecnologia têxtil, fruto de muitas pesquisas, que procura proporcionar uma melhora de rendimento e prevenção de lesões, através do chamado princípio compressivo.

As peças de roupa que incorporam este princípio exercem em certos segmentos corporais, principalmente aqueles com grandes grupos musculares, um efeito de compressão graduada e seletiva que proporciona os seguintes benefícios:

1- Diminuição dos sintomas do quadro da dor muscular tardia.
Quando os músculos são submetidos a esforços físicos mais intensos, desenvolve-se um quadro de microtraumas, que evolui para um processo inflamatório de manifestação tardia que caracteriza a chamada dor do dia seguinte. Quando é utilizada uma roupa compressiva, o quadro de edema que é consequência dos microtraumas, é atenuado e diminui a magnitude do quadro inflamatório do dia seguinte.

2- Melhora de força e potência
Devido ao efeito compressivo, diminui a vibração muscular e aumenta a transferência de força para o eixo do movimento proporcionando uma melhora de desempenho relacionado à força, potência e velocidade.

3- Melhora da propriocepção
O efeito compressivo proporciona uma melhor “percepção” dos segmentos corporais por parte do nosso cérebro, o que pode melhorar a precisão na execução dos movimentos.

Estes resultados foram obtidos em laboratórios de biomecânica em diferentes países, dos quais o laboratório do Prof. Kraemer na Universidade da Pensilvânia é o mais conhecido.

Certamente, novas pesquisas continuarão a ser feitas e esse princípio será cada vez mais estudado.

O que podemos ver é que os atletas de alto rendimento já incorporaram o uso dessas roupas, que passaram a ser verdadeiras aliadas na obtenção de melhor desempenho.

*Turíbio Barros é mestre e doutor em Fisiologia do Exercício pela EPM (Escola Paulista de Medicina). Foi membro do American College of Sports Medicine, fisiologista do São Paulo FC e coordenador do departamento de fisiologia do E C Pinheiros. Atualmente, escreve para o site EuAtleta e mantém seu site www.drturibio.com

Visite o portal do Sindi-Clube e saiba mais de assuntos que interessam ao seu clube.

 

Facebook
Facebook
Google+
http://blog.sindiclubesp.com.br/a-roupa-de-compressao/">
Twitter
Visit Us
YouTube
YouTube
Pinterest
LinkedIn
RSS
Notícias por Email
SHARE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *