Sindi-Clube elege nova diretoria para 2017/2020

Betinho, Movizzo e Granieri
Betinho, Movizzo e Granieri

Paulo Cesar Mário Movizzo, foi eleito presidente do Sindi-Clube, tendo como vice Luiz Carlos Granieri, para o quadriênio 2017/2020.

A eleição foi feita por aclamação, realizada em assembleia geral ordinária na sede do Sindi-Clube, em 12 de janeiro.

A nova diretoria é sucessora da gestão de Cezar Roberto Leão Granieri, Betinho, que presidiu o Sindi-Clube de 2010 a 2017.

Veja as fotos da eleição no Facebook do Sindi-Clube.

Visite o portal  e curta a página do Sindi-Clube no Facebook para saber mais de assuntos que interessam ao seu clube.

Escolha seu curso na programação 2017 da Universidade Sindi-Clube

Foto: Shutterstock
Foto: Shutterstock

Já está disponível para consultas a grade da Universidade Sindi-Clube do primeiro semestre de 2017.

Gestores e colaboradores podem conferir exposições que tratam de diversos temas e escolher os cursos que vão auxiliá-los na administração dos clubes.

As primeiras são o curso “Segurança em piscinas”, em 20/3, e a palestra “Como escrever bem, regras práticas”, em 29/3, ambos presenciais, com transmissão via internet.

Em abril, o curso presencial “Manutenção de quadra de piso de saibro”, muito solicitado pelos gestores, será apresentado em 3/4.

No mesmo mês, haverá a palestra presencial “Comunicação focada em resultados”, 25/4, também via internet.

A Universidade Sindi-Clube terá quatro atividades em maio: o curso “Regras para um bom atendimento ao associado” (presencial e internet), em 16/5; a oficina “Técnicas em artes visuais associadas a um tema lúdico” (presencial), em 23/5; e a palestra: “Tipos de aquecimento em piscinas” (presencial), em 30/5.

O destaque de maio é a “4ª Imersão em RH”, presencial, em 19/5.

Finalizando o primeiro semestre, haverá o curso presencial “Gestão de relações interpessoais e conflitos” (6 e 13/6) e a palestra “A importância dos relacionamento nos resultados”, presencial e internet (27/6).

Visite o portal  e curta a página do Sindi-Clube no Facebook para saber mais de assuntos que interessam ao seu clube.

Clubes já podem pensar na organização do Carnaval, para evitar multas, em três passos

Foto: shutterstock
Foto: shutterstock

Maior festa popular do país, neste ano, começa no sábado de 25 de fevereiro, quando o Carnaval dá seus primeiros gritos de alegria.

A comemoração pode render aos clubes a oportunidade de organizar bailes de carnaval que despertem o interesse do público formado também pelos convidados, que poderão se tornar um possível novo associado.

Para que essa ocasião favorável não se transforme em transtorno financeiro gerado por multas, Consultoria Jurídica do Sindi-Clube recomenda um baile de carnaval bem planejado, que será uma importante fonte de recursos, desde que observadas as posturas administrativas e legais, para que não ocorram as multas que nenhum clube quer em sua planilha de custos.

Desde já, o clube deve seguir o roteiro abaixo, organizado em três passos principais.

1º PASSO, OS ALVARÁS

É variável o tempo de concessão dos alvarás necessários para o baile de carnaval e que podem demandar vistorias. Checar se o clube já possui essas licenças e sua validade deve ser a primeira providência do administrador. Acompanhe o que deve ser observado:

Prefeitura e bombeiros: o alvará de funcionamento da prefeitura que o clube já tem precisa estar em conformidade com o projeto de construção registrado no ‘habite-se’ do imóvel. O alvará do Corpo de Bombeiros deve ser logo providenciado, pois, assim, eventuais pendências encontradas na vistoria poderão ser resolvidas em tempo.

Bares e restaurantes: sejam próprios ou terceirizados, esses estabelecimentos que vão atender os foliões necessitam de alvará da vigilância sanitária para funcionar.

Menores: a permanência de menores nos bailes de carnaval depende de alvará concedido ao clube pelo juizado da Vara da Infância de Juventude, conforme previsto no Estatuto da Criança e do Adolescente.

2º PASSO, SEGURO E SEGURANÇA

Aqui, providências que também podem levar algum tempo para serem cumpridas e, por isso, precisam ser verificadas logo:

Contratação de seguro: a lei estadual 11.265 obriga a contratação de seguro para a realização do baile de carnaval. A apólice cobre acidente pessoais, coletivos e sinistros.Sem esse seguro, na eventualidade de um imprevisto, o clube e seus dirigentes serão responsabilizados pelos danos que causarem a terceiros.

Brigada de incêndio: o decreto paulista 46.076/01 impõe a presença da brigada compostas por pessoas treinadas e qualificadas ou, então, contratada de empresa credenciada.

Desfibrilador: a lei estadual 12.736/07 obriga que o salão do baile tenha um desfibrilador à disposição, com operadores treinados e atualizados com as novas técnicas de ressuscitação.

Segurança: o clube pode usar segurança própria ou contratar o serviço para os bailes. Nos dois casos, é necessário o registro na Polícia Federal.

 3º PASSO, OBSERVE A LEGISLAÇÃO

Depois de cuidar dos alvarás e da segurança, é hora de observar a ampla legislação que alcança os bailes de carnaval.

Meia entrada: ao calcular a receita que o carnaval vai gerar, o clube deve obedecer a legislação que obriga a concessão do meio ingresso. Poderão entrar no baile pagando metade do valor da entrada estudantes (lei estadual 7844/92), professores da rede estadual (lei 10.858/01) e idosos com mais de 60 anos (lei 10.741/03).

Músicos: o clube é obrigado a exigir da banda contratada o recolhimento da taxa destinada à Ordem dos Músicos. A fiscalização multa o contratante, na falta desse pagamento. Os músicos também devem apresentar a carteira de identificação profissional.

 Direito autoral: os direitos autorais das músicas executadas no baile de carnaval devem constituir um item principal da planilha de custos do evento. É recomendável que o clube procure o Ecad para negociar um acordo para o pagamento.

Impostos: o arrecadado em eventos abertos ao público, como o baile de carnaval é uma receita não própria dos clubes e, por isso, sobre esse valor incide ISS e Cofins.

Menores e bebida: a lei estadual (14.592/11) proíbe totalmente a venda de bebidas alcoólicas a menores e aplica multas altíssimas aos infratores. Saliente-se que a autuação contra o clube pode ser feita mesmo que o menor flagrado com bebida esteja acompanhado dos pais.

Visite o portal  e curta a página do Sindi-Clube no Facebook para saber mais de assuntos que interessam ao seu clube.

 

Exercício moderado três vezes por semana é a receita ideal após os 60

Foto: shutterstock
Foto: shutterstock

Nabil Ghorayeb*

Na corrida de São Silvestre foram muitas as imagens de senhores e senhoras com idades avançadas cruzando a linha de chegada. Será que vale para todos? Em parte, é verdade, pode-se dizer.

A proporção de pessoas com idades superiores aos 60 anos está crescendo no mundo, principalmente pelo avanço da prevenção nos cuidados e nos tratamentos disponíveis, especialmente para essas pessoas de mais idade.

Os tratamentos multidisciplinares, que têm crescido em número e qualidade, formam a eficiente terapia da moda.

Em relação às causas, já existe concordância (surpreendente) de que o sedentarismo está fortemente associado ao crescimento das doenças crônicas mesmo nos idosos, fato que foi comprovado por pesquisas científicas em cardiogeriatria, nos últimos anos.

O envelhecimento a partir dos 50 a 60 anos é acompanhado pela diminuição de desempenho – flexibilidade, coordenação motora, força muscular e velocidade.

A capacidade funcional cai 8% a cada década, a partir dos 30 anos.

Pessoas saudáveis na faixa dos 70 e 80 anos têm menor força muscular estática e dinâmica em até 40%.

Chega a 33% a quantidade de pessoas com mais de 65 anos absolutamente paradas ou sedentárias extremas nos Estados Unidos.

E treinamentos com pesos (musculação) é algo insignificante nessa mesma população pesquisada.

As doenças crônicas diminuem a capacidade física e mental, comprometem o indivíduo, profissional e socialmente e o levam à dependência familiar e pública, o que na vida prática brasileira não se sabe como resolver, ainda mais nesses tempos de recursos escassos para todos.

Recentemente, a ciência revelou que o genoma humano está configurado para ambiente de muita atividade física.

Novos parâmetros já são conhecidos na prevenção, pois corrida ou ciclismo moderado a 70% do consumo máximo de oxigênio, três vezes por semana de 30 a 40 minutos, chega a elevar em quase 20% esse valor.

O que significa enorme conquista no desempenho.

Podemos reverter muito das perdas do envelhecimento apenas com atividade física regular e orientada por profissionais de educação física e fisioterapeutas.

Ou seja, conseguimos ter a  diminuição do risco cardiovascular (acidente vascular cerebral ou encefálico, do infarto do miocárdio, hipertensão arterial e diabetes), menor obesidade, diminuição da osteoporose, de quedas e fraturas espontâneas, depressão psicológica, melhora importante da habilidade, flexibilidade, agilidade e até diminuição do aparecimento de certos tipos de câncer.

Para tratamentos não consagrados pela ciência fale com seu médico para não cair em enganos que te arrependerão.

E a prática esportiva?

Como já escrevemos em comentários anteriores, pode ser praticada após bem detalhada avaliação médica, que deve se iniciar pelo especialista em cardiologia e passar pelo ortopedista também com especialização no esporte.

Esse conhecimento é muito importante para prevenir os riscos. Se o envelhecimento é inevitável, está lógico que devemos agir contra seus efeitos ao longo do tempo.

*Nabil Ghorayeb: www.cardioesporte.com.br    
Formado em medicina pela FM de Sorocaba PUCSP, Doutor em Cardiologia pela FMUSP , Chefe da Seção CardioEsporte do Instituto Dante Pazzanese Cardiologia, Especialista por concurso em Cardiologia e Medicina do Esporte, Médico Sênior do Grupo Fleury Medicina e Saúde, Coordenador da Clínica CardioEsporte do HCor, CRM SP 15715 , Prêmio Jabuti de Literatura Ciência e Saúde. 

Visite o portal  e curta a página do Sindi-Clube no Facebook para saber mais de assuntos que interessam ao seu clube.

Brasil fica em segundo em torneio na Suíça, antes do mundial de handebol

Foto: Divulgação/CBHb
Foto: Divulgação/CBHb

O campeonato mundial masculino de handebol está próximo e o técnico da seleção brasileira, Washington Nunes, usou uma competição amistosa para preparar a equipe para a disputa internacional, em Paris, de 11 a 29 de janeiro.

Antes de chegar à França, a seleção brasileira ficou em segundo lugar em um torneio amistoso na Suíça ao lado dos donos da casa, Eslováquia e Romênia. Na noite deste domingo (8/1), a equipe verde e amarela fez a partida decisiva contra a Suíça e acabou perdendo por 27 a 25.

“Acho que temos um bom time que pode fazer coisas melhores, internacionalmente. As expectativas são muito boas, claro, isso somado a muito treino com a seleção”, destacou Zé, armador direito.

O Brasil abre a competição dia 11, em Paris, contra os franceses e tem ainda Polônia, Rússia, Japão e Noruega no mesmo grupo, um dos mais complicados da disputa.

“Podemos certamente nos classificar para as oitavas de final. Jogar contra os donos da casa pesa um pouco, ainda mais com a França, que é uma seleção de muita experiência, mas estaremos lá, sempre acreditando que podemos”, afirmou o jogador.

Ele lembrou que o Brasil fez bonito diante dos franceses nas quartas de final dos Jogos Olímpicos Rio 2016 e manteve a partida equilibrada do início ao fim, mas acabou derrotado por 34 a 27, nos últimos 15 minutos.

Depois da França, o Brasil joga em Nantes, no dia 14, com a Polônia, dia 15 com o Japão, dia 17 com a Noruega e no dia 19 com a Rússia.

Visite o portal  e curta a página do Sindi-Clube no Facebook para saber mais de assuntos que interessam ao seu clube.

 

Pepac convoca os primeiros congressos técnicos de 2017

pepac-volei

O Programa Esportivo para Associados de Clubes (Pepac), maior torneio interclubes do país, definiu as datas dos primeiros congressos técnicos de 2017, que começam em fevereiro, no auditório do SINDI-CLUBE (Av. Indianópolis, 628 – Moema). Neste ano, o Pepac terá a 19ª edição.

Os treinadores de vôlei máster estão convocados a comparecer em 11/2, sábado, às 13h30, quando será realizada o primeiro congresso por nível técnico.

No sábado seguinte, 18/2, 13h30, haverá o encontro dos técnicos das categorias menores e adulto de vôlei.

SÃO CAETANO DO SUL - SP - 09/04/2011 - FUTSAL FEMININO NO CLUBE ABREV - FOTO FERNANDO DANTAS
Reunião também informa sobre a modalidade futsal

Um dia antes, 17/2, sexta-feira, está programada a reunião da modalidade de futsal, às 19h.

Nesses congressos, a comissão organizadora vai definir categorias e naipes, informar as taxas financeiras e as formas de pagamento, além de expor os critérios para participação, entre outros assuntos.

Exige-se a presença de, pelo menos, um representante de cada clube participante. Mais informações podem ser obtidas pelo e-mail: pepac@sindiclubesp.com.br

Datas dos congressos

Modalidade Data Semana Horário
Vôlei máster 11/2/2017 Sábado 13h30
Futsal 17/2/2017 Sexta-feira 19h
Vôlei menores e adulto 18/2/2017 Sábado 13h30

Quer emagrecer correndo em 2017? Veja três dicas para alcançar sua meta

Foto: shutterstock
Foto: shutterstock

Gustavo Luz*

Quer fazer do ano de 2017 o ano do seu emagrecimento?

Confira três dicas para quem quer perder peso e reduzir o percentual de gordura de forma correta e sustentável.

 

  1. Devo emagrecer antes de iniciar os treinos?

Não há problema em se exercitar acima do peso, desde que você tome alguns cuidados.

Se o seu objetivo é se tornar um praticante regular de corrida, é provável que tenha que começar com caminhadas.

Aos poucos são colocados os trechos de corrida.

Começar com treinos leves e gradativos é uma ótima estratégia para ajudar articulações e tendões na adaptação à corrida.

Ficar esperando emagrecer para começar a treinar geralmente leva a perda de tempo.

 

  1. Tenho que parar de beber?

Você não precisa parar de beber, mas tenha em mente que o processo de emagrecimento é o reflexo de uma conta simples: você tem que gastar mais energia do que consumir.

Em termos de calorias, uma latinha de cerveja vale mais ou menos um pão com manteiga.

Se você bebe 10 latinhas de cerveja em uma semana, experimente diminuir para seis ou sete.

É um primeiro passo, que já pode começar a dar resultados visíveis e é uma ponte para daqui a pouco beber três ou quatro.

Se você diminuir a ingestão de álcool a partir dessa semana, é possível estar um pouco mais magro já na semana que vem, só com essa mudança.

Experimente!

 

  1. Correr em jejum é bom para perder peso?

Esse é um dos maiores erros cometidos pelos corredores, especialmente os que correm pela manhã. Fazer um pequeno lanche de fácil digestão até 30 minutos antes de correr otimiza a queima calórica e a qualidade do treino.

 

GUSTAVO LUZ
É educador físico formado pela Estácio de Sá, treinador de corrida e triatlo desde 2006 e praticante há quase 18 anos. Diretor técnico da G-LUZ Top Team, vive atento a tudo que se refere à fisiologia do exercício. Também fala com conhecimento empírico de quem está sempre frequentando as competições.

https://www.facebook.com/GLuzTopTeam/

Visite o portal  e curta a página do Sindi-Clube no Facebook para saber mais de assuntos que interessam ao seu clube.

2017: a volta do ano recheado de feriados

Foto: Shutterstock
Foto: Shutterstock

Diferente de 2016, em que os feriados adoraram cair em sábados e domingos, este novo ano está cheio de possíveis folgas do trabalho prolongadas.

Isso, apesar de 1º de janeiro ter caído em um domingo.

As segundas-feiras têm feriados que oferecem a chance de emendas como 1º de maio (dia do trabalho), 20 de novembro (Consciência Negra, desde que haja lei municipal) e 25 de dezembro (Natal).

Em quintas-feiras, serão três as possibilidade de ponte com o fim de semana: Independência do Brasil (7 de setembro), Nossa Senhora Aparecida (12 de outubro) e Finados (2 de novembro).

Fora isso, Tiradentes (21 de abril), que cairá numa sexta, também poderá proporcionar um descanso de três dias seguidos.

A Proclamação da República (15 de novembro), porém, abrirá uma janela isolada no meio da semana, numa quarta-feira.

Vale ainda lembrar que não há feriado no Carnaval, pois a terça-feira (28 de fevereiro) do reinado de Momo depende de lei municipal para ser considerada como mais um dia de descanso do trabalho.

Acompanhe abaixo a relação das datas que serão feriados e as que dependem de lei municipal para tanto.

Feriados Nacionais:

  • 1º de janeiro, Confraternização Universal, domingo.
  • 21 de abril, Tiradentes, sexta-feira.
  • 1º de maio, Dia do Trabalho, segunda-feira.
  • 7 de setembro, Independência, quinta-feira.
  • 12 de outubro, Nossa Senhora Aparecida, quinta-feira.
  • 2 de novembro, Finados, quinta-feira.
  • 15 de novembro, Proclamação da República, quarta-feira.
  • 25 de dezembro, Natal, segunda-feira.

 Feriado estadual em São Paulo:

9 de julho, Revolução Constitucionalista de 1932, domingo.

Há ainda as comemorações festivas e religiosas que dependem de lei municipal para sua proibição ao trabalho:

  • 6 de janeiro, Santos Reis, sexta-feira.
  • 28 de fevereiro, terça-feira de Carnaval.
  • 9 de abril, Páscoa, domingo.
  • 31 de maio, Espirito Santo (Pentecostes), quarta-feira.
  • 4 de junho, Ascensão do Senhor, domingo.
  • 15 de junho, Corpus Christi, quarta-feira.
  • 13 de junho, Santo Antonio, terça-feira.
  • 24 de junho, São João, sábado.
  • 29 de junho, São Pedro e São Paulo, quinta-feira.
  • 15 de agosto, Assunção de Nossa Senhora, terça-feira.
  • 8 de setembro, Natividade de Nossa Senhora, sexta-feira.
  • 1º de novembro, Todos os Santos, quarta-feira.
  • 20 de novembro, Consciência Negra, segunda-feira.
  • 8 de dezembro, Imaculada Conceição, sexta-feira.

Os municípios ainda poderão declarar, por lei, feriado local a data de sua fundação.

Visite o portal  e curta a página do Sindi-Clube no Facebook para saber mais de assuntos que interessam ao seu clube.

Primeiro calendário de obrigações de 2017 já esta no portal SINDI-CLUBE

Foto: shutterstock
Foto: shutterstock

O calendário de janeiro já pode ser acessado no portal do SINDI-CLUBE.

Lá se encontram as obrigações dos clubes, para auxiliar a administração dos gestores e evitar perdas de prazos.

A agenda inclui as datas de pagamento de salários, índices atualizados, tabelas, pagamento de tributos, taxas e contribuições, entre outros lembretes importantes.

Estão incluídos também os pagamentos, no dia 31, da Contribuição Sindical Patronal e da parcela do Profut, para os clubes que renegociaram as dívidas com o governo.

Visite o portal  e curta a página do Sindi-Clube no Facebook para saber mais de assuntos que interessam ao seu clube.

Duda Amorim concorre a prêmio de melhor defensora do ano

Foto: Wander Roberto/Exemplus/COB
Foto: Wander Roberto/Exemplus/COB

A brasileira Duda Amorim, defensora do Gyori ETO KC, da Hungria, e da seleção de handebol, concorre a prêmio de melhor defensora de 2016.

A votação é feita pelo site Handeball-Planet, reconhecido no mundo da modalidade.

Brigam com ela pelo título a húngara Klara Szekeres, a francesa Beatrice Edwige e a sueca Linea Torstensson.

Duda vive grande fase.

Em 2015, foi eleita a melhor defensora da Liga dos Campeões.

No ano anterior, foi consagrada como a melhor jogadora do mundo pela Federação Internacional de Handebol.

A votação vai até 9 de janeiro e pode ser feita no site da Handball-Planet.

Visite o portal  e curta a página do Sindi-Clube no Facebook para saber mais de assuntos que interessam ao seu clube.