Conheça as modalidades olímpicas: atletismo

Thiago André: grande revelação do atletismo (Foto: Divulgação/ Contrapé)
Thiago André: grande revelação do atletismo (Foto: Divulgação/ Contrapé)

A temporada preparatória do atletismo para os Jogos Rio-2016 está com o calendário agitado e rendendo bons resultados.

No último fim de semana (23 e 24/5), o Brasil teve um excelente resultado.

A começar por Thiago André, considerado uma das maiores revelações da modalidade, que ficou com a quinta colocação na prova de 1500 m, do Meeting de Hengelo, na Holanda.

Ele disputará o Pan, em Toronto (julho), e as duas próximas grandes competições: Mundial, em Pequim (agosto), e Olimpíada (2016).

Fabiana Murer

Ainda no Meeting de Hengelo, Fabiana Murer, que é esperança de medalha em 2016, cravou 4,55 m no salto com vara e conquistou o bronze.

A modalidade já garantiu grande número de participantes nos Jogos Olímpicos do Rio.

No início deste mês, 12 atletas foram classificados após obterem índice olímpico no Troféu Brasil de Atletismo.

Já são 36 esportistas classificados para 2016, mesma quantidade enviada à Londres-2012, a maior da história do país.

Ainda há a possibilidade de mais atletas conseguirem índices que os levem à competição, o que pode gerar um número recorde de participação.

Visite o portal do Sindi-Clube e saiba mais de assuntos que interessam ao seu clube.

Programe-se para os cursos de junho da Universidade Sindi-Clube

shutterstock_74392219_p
Curso “Como montar o orçamento de um departamento de clube”, em 10 de junho

Os cursos de junho da Universidade Sindi-Clube, oferecem atualização e orientação em temas como montagem de orçamentos, liderança de equipes e comunicação nos clubes.

Em 10 de junho, o curso “Como montar o orçamento de um departamento de clube” vai mostrar como os gestores de cada área devem montar a peça orçamentária para facilitar sua compreensão no processo de aprovação pela diretoria e sua implantação no dia a dia do setor.

shutterstock_53043505_pPapel do líder

O curso “Os desafios de um líder”, nos dias 17 e 24 de junho, trará esclarecimentos para quem exerce o papel de liderança, ressaltando que é preciso ter a percepção aguçada para que os liderados desempenhem um trabalho mais produtivo e alcancem os resultados almejados.

Comunicação eficazcomunicação assertiva_g

A última atividade de junho da Universidade Sindi-Clube, no dia 30, será a palestra “Comunicação assertiva”. A exposição explicará que a comunicação afirmativa desenvolve líderes, motiva liderados e facilita o relacionamento com os associados do clube.

Mais informações e inscrições dos cursos podem ser obtidas no portal do Sindi-Clube (www.sindiclubesp.com.br), seção Universidade / Cursos.

Visite o portal do Sindi-Clube e saiba mais de assuntos que interessam ao seu clube.

 

Atividade física no inverno, recomendações

corrida-inverno-mulher111

Nabil Ghorayeb*

Desde Hipócrates, sabe-se que nas mudanças de estações, principalmente do inverno, as doenças circulatórias e respiratórias são mais frequentes e perigosas para crianças e idosos, pacientes debilitados e os com doenças cardiovasculares (pressão alta, angina do peito/infarto do miocárdio, arritmias, acidente vascular cerebral e deficiente circulação nas pernas).

Além disso, nessa época do ano pode ocorrer a hipotermia, ou seja, a temperatura corporal abaixo dos 36,5 0C.

Isso significa perda da habilidade em produzir energia suficiente para manter a temperatura interna do corpo.

A hipotermia pode ser fatal pelo colapso do coração e seus sintomas são: dificuldades de coordenação motora, reações lentas, calafrios, insônia e confusão mental.

As extremas baixas temperaturas nos obrigam a nos agasalharmos bem, principalmente mãos e pés, sendo o rosto e mãos e pés os nossos sensores de temperaturas.

Atenção em relação ao consumo de bebidas alcoólicas (pinga, uísque, conhaque e outras) para nos aquecer

Absolutamente, isto não existe!

O álcool dilata os vasos sanguíneos levando o sangue a um maior contato com as áreas expostas ao frio e, ao contrário do que se espera, ocorre maior perda do calor e o sangue mais frio, seguindo para o interior do corpo, dissemina a baixa temperatura.

Portanto, bebidas alcoólicas não aquecem e a sensação de queimação no estômago é, na verdade, sintoma de uma leve gastrite aguda.

Essa falsa sensação de calor provocada pela bebida no esôfago e estômago induz acreditar que o organismo está aquecido, o que não é verdade.

O perigo é ficar alcoolizado e não sentir o frio, o que resulta em enorme risco de hipotermia e suas consequências.

Somente a ingestão de líquidos previamente aquecidos (chá, chocolate, leite) é que leva calor ao organismo.

Nos casos de emergências por grave hipotermia, além de se agasalhar imediatamente com materiais térmicos, devemos administrar líquidos aquecidos pela boca.

Infelizmente pessoas morrem por hipotermia, sem perceber a intensidade do frio, devido à intoxicação alcoólica por elevada ingestão alcoólica.

Em relação aos problemas respiratórios, eles se elevam pela baixa imunidade do organismo, consequente ao frio intenso.

Por isso, a vacinação antigripal anual para os indivíduos mais sensíveis, como as crianças e idosos.

Atividade física no frio intenso

Exercícios físicos são saudáveis acima dos 200C.

No inverno, o esportista deve evitar baixas temperaturas e o vento frio.

Recomendamos aquecimento muscular, respiração nasal de preferência, vestimentas adequadas para se proteger da perda rápida de calor, principalmente das mãos, pés e rosto, ingestão de líquidos aquecidos, principalmente no pós-exercício.

*Nabil Ghorayeb, doutor em Cardiologia, é especialista  em  Cardiologia  e Medicina do Esporte e mantém o site CardioEsporte onde podem ser lidos mais artigos com informações e dicas úteis para a saúde.

Visite o portal do Sindi-Clube e saiba mais de assuntos que interessam ao seu clube.

Não perca os prazos, consulte o calendário de obrigações de junho no portal do Sindi-Clube

shutterstock_84429304

O calendário das obrigações mensais dos clubes, referente ao mês de junho, já está disponível no portal do Sindi-Clube.

Os gestores devem ficar atentos às datas de pagamento de salários, índices atualizados e tabelas e compromissos importantes, pois um esquecimento pode gerar o prejuízo de multas.

Entre os itens agendados, está a data de pagamento da contribuição negocial patronal, marcada para o dia 8 de junho.

Além dos prazos que não podem ser perdidos, o calendário oferece consulta para as tabelas do Imposto de Renda, contribuição previdenciária, incidência de INSS, FGTS e IRPF sobre vários pagamentos e até de valores para recursos trabalhistas.

Visite o portal do Sindi-Clube e saiba mais de assuntos que interessam ao seu clube.

Veja as fotos do “Encontro com dirigentes” realizado em Campinas

IMG_9235 BR

Campinas recebeu no último sábado (23/5) a quarta reunião da série “Encontros com Dirigentes”, promovida pelo Sindi-Clube.

As fotos estão disponíveis na página do facebook da entidade.

Para estimular a interação, o Encontro adotou o formato de mesa-redonda, que facilitou a troca de experiências e opiniões entre os participantes.

Os diretores e consultores do Sindi-Clube esclareceram temas como acesso dos clubes ao crédito do BNDES, financiamento de projetos esportivos de clubes com verbas públicas, por meio das leis de incentivo, além de esclarecimentos de dúvidas sobre assuntos administrativos e tributários.

O próximo Encontro será realizado em Piracicaba, em 20 de junho.

Visite o portal do Sindi-Clube e saiba mais de assuntos que interessam ao seu clube.

Conheça as modalidades olímpicas: luta olímpica

Joice: medalha de ouro inédita
Joice: medalha de ouro inédita

O ano de 2015 começou bem para a seleção de luta olímpica: Joice Silva conquistou um ouro inédito no Pan-Americano Sênior da modalidade, realizado em abril, no Chile.

Ela foi eleita a melhor atleta feminina da competição pelos jurados. As brasileiras ainda garantiram dois bronzes, com Giullia Penalber e Aline Silva.

A equipe masculina também trouxe medalhas para o Brasil: Davi Albino faturou uma prata e Gil Leon um bronze.

No total foram seis medalhas para a seleção e nove vagas asseguradas para os Jogos Pan-Americanos de Toronto, no Canadá, em julho.

Além disso, pela primeira vez na história, um atleta brasileiro conseguiu integrar o ranking dos 20 melhores atletas do mundo: Davi Albino está em 20º lugar.

No ano passado, os lutadores nacionais ganharam oito medalhas, dois ouros, uma prata e cinco bronzes, nos Jogos Sul-Americanos.

Esses resultados mostram a evolução da modalidade e deixam o Presidente da Confederação Brasileira de Lutas Associadas, Pedro Gama Filho, otimista para 2016.

“Sabíamos que chegaríamos a 2016 com chances de brigar por medalha. Atingimos um nível competitivo que nos permite pensar em pódio nessa modalidade. Temos mais recursos e oportunidades do que nos ciclos anteriores e mais apoio do Ministério do Esporte e COB, além da vantagem de lutarmos em casa”, afirma Gama Filho.

Visite o portal do Sindi-Clube e saiba mais de assuntos que interessam ao seu clube.

Saiba por que os exercícios intensos podem interferir na nossa imunidade

(foto: Shutterstock)
(foto: Shutterstock)

Com o maior número de atletas desenvolvendo infecções por vírus (viroses), em que 3% a 5% provocam inflamações do musculo do coração (miocardites), existem grandes possibilidades de complicações por arritmias e de insuficiência cardíaca.

As mais frequentes inflamações são as viroses das metrópoles, representadas pelo vírus coxsakie e o da gripe A1N1.

Como tudo acontece?

O exercício físico induz alterações não definitivas do nosso sistema imunológico.

A intensidade, a duração e o tipo de exercício determinam as alterações que ocorrem durante e após esforço.

Existe um verdadeiro sistema de comunicação metabólico, imunológico e muscular que participa na coordenação, integração e regulação de tudo que acontece durante a atividade.

Diferentes tipos e cargas de exercício podem provocar alterações distintas na imunidade e sabe-se que, se for moderado, parece estar relacionado ao aumento da defesa orgânica, enquanto que se for mais intenso e prolongado, parecem enfraquecer a imunidade.

Essa queda da imunidade ocorre porque diminui nos músculos a glutamina, um aminoácido não essencial que tem um fluxo direto e contínuo dos músculos para o fígado, intestino, rins e sistema imunológico.

Como este sistema necessita de muita glutamina para a manutenção de suas funções, o exercício físico induz aumento da atividade dessas células.

Por isso, ocorre uma redução da disponibilidade de glutamina, após exercícios intensos e prolongados, facilitando o desenvolvimento de doenças, em especial, as infecções de todo trato respiratório.

Esse fenômeno imunológico, hoje em dia, é mais frequente, tem como recomendação, não um tratamento medicamentoso, mas a correção dos hábitos de treinamento.

Na medicina do esporte é descrita uma “doença”– a Síndrome do Excesso de Treinamento (SET).

Antigamente, era chamada de overtraining clínico, que produz vários sintomas ou alterações, entre eles a queda brutal da defesa (imunidade) do esportista/atleta, facilitando o aparecimento das infecções.

Há anos no nosso serviço de Cardiologia do Esporte do Instituto Dante Pazzanese de Cardiologia, em São Paulo, temos registrado níveis baixos de glóbulos brancos (ao redor de 2.000 leucócitos) em atletas que mantém níveis muito elevados de volume e intensidade de treinamento, por muitos meses, levando-os às muitas viroses.

O fato é que a suplementação com L-glutamina não mostrou cientificamente algum benefício na melhora da imunidade.

Portanto, mantenha seu ritmo de treino dentro do confortável e, caso necessite de forte elevação do treinamento, com finalidades competitivas, siga as instruções do educador físico/treinador, com seu médico do esporte e nutricionista.

Não aumente seu ritmo sem conhecimento profissional.

*Nabil Ghorayeb, doutor em Cardiologia, é especialista  em  Cardiologia  e Medicina do Esporte e mantém o site CardioEsporte onde podem ser lidos mais artigos com informações e dicas úteis para a saúde.

Visite o portal do Sindi-Clube e saiba mais de assuntos que interessam ao seu clube.

Veja as fotos da “Imersão em RH” realizada pela Universidade Sindi-Clube

IMG_8599 blog

As fotos da “Imersão em RH” da Universidade Sindi-Clube, estão disponíveis na página do Sindi-Clube no Facebook.

O evento foi elogiado por profissionais de recursos humanos que participaram do encontro realizado em 15/5.

Dentre os assuntos abordados, eles destacaram a releitura do papel que exercem nos clubes, além de analisar e refletir sobre as funções que desempenham.

A ideia da imersão surgiu nas reuniões com gestores de RH que a Universidade realiza mensalmente, para levantar necessidade de atualização para profissionais da área.

Visite o portal do Sindi-Clube e saiba mais de assuntos que interessam ao seu clube.

Diretor-executivo do Sindi-Clube é entrevistado pela rádio CBN sobre o “Encontro com dirigentes” realizado em Santos

IMG_8675

O diretor-executivo do Sindi-Clube, Cláudio Lauletta, concedeu entrevista à Rádio CBN e falou sobre o “Encontro com Dirigentes” realizado em Santos.

Lauletta destacou o volume de quase R$ 500 milhões em recursos à disposição dos clubes para desenvolver projetos esportivos, por meio das leis de incentivo.

Ouça a entrevista na íntegra:

Sindi-Clube faz Encontro de Dirigentes em Santos e futsal do Pepac realiza mais um jogo. Vejas as fotos

Como visitante, Ipê vence Helvetia por 5x4.
Como visitante, Ipê vence Helvetia por 5×4.

Na última sexta-feira (15/5), o Clube Esportivo Helvetia recebeu o Ipê Clube para mais uma partida de futsal do Pepac, categoria sub-15.

O jogo terminou 5×4 para o time visitante.

Dirigentes de Santos reunidos
Dirigentes de Santos reunidos

Já no sábado (16/5), a comitiva do Sindi-Clube levou o Encontro com Dirigentes até Santos.

As fotos dos dois eventos estão disponíveis na página do Sindi-Clube no do Facebook, veja aqui.

Visite o portal do Sindi-Clube e saiba mais de assuntos que interessam ao seu clube.